A CAPIVARA 
Nossa mascoteVamos embora!
 
A capivara pertence à ordem dos Roedores e à família dos Hidroquerídeos. 
Alimenta-se de cana-de-açúcar e de arroz, habitando as florestas brasileiras. 
Algumas medem mais de 1 metro e pesam quase 70 kg, sendo  o maior roedor existente, um ratão descomunal.  Têm dentes muito fortes e são bichos bastante tímidos. As membranas nos dedos das patas indicam adaptação deste animal à vida semi-aquática.
 
Que fome!Vou mergulhar
 

O Assobio da Capivara

As capivaras, apesar de todo o seu charme e simpatia, dependem muito do seu assobio na busca de parceiros: Capivara nadandochega a capivara (macho ou fêmea, não importa!) ao topo de um alto barranco, e depara-se com a imagem apresentada à nossa esquerda! Certamente é uma outra capivara (macho ou fêmea, pode ser muito importante, mas é impossível distinguir dessa distância); pode ser que nossa capivara esteja à procura de alguém disponível para acasalamento; pode ser que esteja buscando companhia para uma expedição até uma lagoa distante; pode ser ainda que apenas procure um semelhante, para compartilhar experiências de vida. Qualquer que seja o caso, a nossa capivara sabe que é necessário agir imediatamente - a outra se afasta célere e a qualquer instante pode mergulhar, para só retornar à tona muito longe e muito tempo depois.
É aí que as capivaras fazem uso de seu assobio. Através dele podem determinar, à distância e sem maiores esforços, se vale a pena dedicarem um pouco de seu tempo uma à outra, ou se é melhor seguirem em frente, cada uma em sua própria busca.

 
EscondidaQue delícia: água...
Rainha do LagoSilhuetas de capivaras contra o lago de Barão Geraldo
 
(Fotos de Alfredo Tsukumo, que gentilmente autorizou a sua utilização)