(versão integral)


A Pedra Sagrada

Era uma vez um lobo que andava cheio de fome. Desesperado com tudo, foi a uma velha tabanca falar com um homem grande.
- Já há muito tempo que ando assim: sem comer coisa alguma! Queria que o homem grande me ajudasse a vencer esta situação.
- Eu posso ajudar-te a sair dessa situação. Vou-te dar indicações para facilmente encontrares uma pedra sagrada com o aspecto duma figura humana: olhos grandes, compridas orelhas e uma boca enorme. Eis aqui a chave do mistério que vais utilizar para enganar os outros, a fim de conseguires o alimento que tanto desejas. Quem quer que por ali passe e diga "A PEDRA QUE TEM BARBA", cai e morre logo. Tu não podes dizer a frase completa, apenas "A PEDRA QUE TEM BA…". Mas faz com que os outros a completem. Mais uma vez, lobo, não te esqueças da minha advertência, disse ainda a terminar o homem grande.
O lobo despediu-se do velho e pôs-se a caminho. Andou, andou, andou e tanto andou que acabou por dar com o local. Viu a pedra com as mesmas características que lhe foram apontadas pelo homem grande. Pôs-se e então à espera, cada vez com mais fome.
Não tardou que a gazela passasse por ali. Chamou por ela e disse:
- Já viste aquela "PEDRA QUE TEM BA…"?
A gazela, sem desconfiar de nada, completou a frase:
- Pois, amigo lobo, já vi aquela "PEDRA QUE TEM BARBA".
Caiu e morreu logo. O lobo, satisfeito com o resultado, acabou de comer e ficou à espera.
Seguiu-se-lhe o macaco, a onça e o tigre, até chegar a vez da lebre.
Esta, que andava bastante distraída, ouviu uma voz chamar por ela. Virou-se e deparou com o lobo, que se apressou a dizer-lhe:
- Então sobrinha! Como vai essa vida?
- Muito boa, tio lobo! Que fazes aqui?
Mas o lobo, tão esperto que era, quis aproveitar-se logo da situação:
- Sobrinha lebre, será que já viste aquela "PEDRA QUE TEM BA…"?
- Pois, tio lobo! Já vi aquela "PEDRA QUE TEM BA…"! É muito engraçadinha! – respondeu a lebre, que já conhecia a situação.
O lobo não se deu por vencido. Voltou a repetir a mesma frase:
- Sobrinha lebre, será que já viste aquela "PEDRA QUE TEM BA…"?
A lebre, mais desconfiada que nunca, repetiu a mesma frase. Então o lobo insistiu aos berros, desorientado com a resposta da lebre, pretendendo que esta completasse a frase. Mas ela não se deixou impressionar, nem mesmo com o tom de voz do lobo. Depois de muita discussão e repetição da mesma frase, o lobo acabaria por cair na armadilha. Irritadíssimo e sem se lembrar dos conselhos do homem grande, disse:
- Ainda não viste aquela "PEDRA QUE TEM BARBA"?
Imediatamente caiu e morreu, tal como acontecera com todos os outros que enganara antes.
- Pensavas que sou burra? - disse a lebre afastando-se.

Tabanca = Aldeia                                                                  Homem grande = homem velho, muito sábio


(Uma história da Guiné cujos personagens principais são o Lobo e a Lebre)

Colori, colorado, está o conto acabado!

VOLTAR